Terminal Parque D. Pedro II terá controle de acesso com Bilhete Único

Medida trará maior segurança aos passageiros do terminal de ônibus urbano mais movimentado da cidade

SPTrans
Ferramenta
Tipografia
  • Menor Pequeno Medio Grande Maior
  • Padrao Helvetica Segoe Georgia Times

A partir da meia-noite de sexta-feira, 17 de agosto, os passageiros que utilizam o terminal de ônibus urbano mais movimentado da cidade de São Paulo irão embarcar com mais segurança no interior do equipamento. O Terminal Parque D. Pedro II, localizado na Av. do Estado, s/n, Centro, passará a contar com controle de acesso.

O acesso de pessoas será controlado por meio de 19 catracas eletrônicas, sendo oito na passarela, sete na entrada próxima à Rua 25 de março e quatro na entrada próxima à Avenida Rangel Pestana.

sptrans termpqdompedro 04

A liberação dos passageiros será feita mediante apresentação do Bilhete Único em validadores instalados nas catracas. A entrada continua gratuita, sem nenhum valor debitado do cartão nem redução do tempo de uso. O usuário só vai ativar sua cota de tempo quando embarcar em um ônibus e passar seu cartão no validador do veículo.

sptrans termpqdompedro 03

Agentes do terminal autorizados irão auxiliar ou solucionar quaisquer dúvidas dos passageiros, além de liberar a entrada de quem ainda não tem o Bilhete Único. O sistema de controle de acesso é semelhante ao que já foi implementado com sucesso nos terminais Lapa e Cidade Tiradentes durante o ano de 2017. A SPTrans informa os usuários sobre a mudança por meio de banners, faixas, do sistema de som do terminal e pelos canais oficiais de comunicação na internet. 

sptrans termpqdompedro 02

O terminal recebe, em média, 79 mil passageiros por dia útil, que utilizam 72 linhas de ônibus com direção às diversas regiões da cidade, atendendo predominantemente à Zona Leste. O Parque D. Pedro II está ligado ao Terminal Mercado, por onde circula o Expresso Tiradentes, o corredor exclusivo de ônibus da cidade de São Paulo.