FacebookTwitterLinkedInRSS FeedPinterest Pin It

Sambaíba Transporta a Magia do Natal em Ação Beneficente

Empresas
Ferramenta
Tipografia
  • Menor Pequeno Medio Grande Maior
  • Padrao Helvetica Segoe Georgia Times

Os tradicionais ônibus decorados com luzes e enfeites de Natal são esperados por muitos e além de transformar o visual da nossa querida Cidade de Pedra, nos leva a nostalgia da época de infância (tempo bom....). Entretanto, por dificuldades econômicas e/ou de locomoção, nem todos tem a oportunidade de curtir uma viagem no ônibus natalino, mesmo com a ampliação do projeto com passeios gratuitos aos finais de semana, pois tivemos 3 pontos de embarques diferentes na cidade (Pacaembu, Vila Matilde e E. T. Água Espraiada).

Texto: Juverci de Melo

natalino sambaiba 2018 03

Tocados pelo verdadeiro sentindo do Natal, de sermos a luz na vida do próximo, a Sambaíba passou a transportar a magia do Natal com ações concretas, tais como, visitas em pontos finais das linhas mais distante da zona norte da cidade com um grupo de Papais e Mamães Noeis distribuindo doces, alegrias e o espírito natalino, visitas em comunidades carentes e instituições, como a ocorrida na última quarta-feira (19), onde o gerente geral da Sambaíba, José Alfredo Filho, levou um time de 12 Papais e Mamães Noeis para visitar o NAB – Núcleo Assistencial da Brasilândia, que atende 100 crianças portadora de física ou mental a convite da criadora Van. “O lema do NAB é terapia feita com alegria e nós somos movidos com alegria, por isso, estamos aqui trazendo a alegria para essas crianças” ressalta Alfredo.

natalino sambaiba 2018 04

O ônibus ficou por cerca de duas horas no local e fez a festa com as criançadas, que ficaram encantadas com a quantidade de Papais e Mamães Noeis e aproveitaram esse momento especial, com muitos abraços, sorrisos e claro, foram muitos clicks para registrar esse dia inesquecível.

natalino sambaiba 2018 17

E sem dúvidas, essa magia só é possível graças ao incrível time de colaboradores da empresa que se dedicam ao máximo a essa missão iluminada, onde a transformação ultrapassa a linda fantasia da personagem e transveste o coração e alma desses homens e mulheres que fazem a diferença ao colorir o mundo com a naturalidade da magia do Natal, reavivam a esperança de dias melhores, crianças encantadas simplesmente sendo crianças e desperta aquela criança adormecida no adulto, no idoso....te convido a conhecer esses anjos vestidos de Papais e Mamães Noéis que fazem a diferença, principalmente,  para essas crianças do NAB.

Adriana Santos da Silva

natalino sambaiba 2018 15

Trabalha na empresa há 2 anos e 1 mês, sendo que antes de entrar para o sistema de transporte, trabalhava numa metalúrgica. Já é a 2ª vez que é a personagem Mamãe Noel e distribui doces para as crianças. Para ela existem vários momentos que a emociona e o mais gratificante é o olhar, sorriso e o abraço das crianças, que considera ser o mais puro dos sentimentos, além de sempre receber o elogio delas dizendo: “Mamãe Noel, Mamãe Noel. Como você é linda!”. De toda sorte, relembra que um dos momentos mais marcante foi quando uma passageira ao embarcar no ônibus a elogiou e afirmou que essa era a melhor época do ano, pois tirava a amargura das pessoas, todos já entram no ônibus com um sorriso no rosto e que bom seria se todos os dias fossem assim.

Wenos Messias da Silva

natalino sambaiba 2018 06

Trabalha na empresa há 1 ano, sendo que antes de entrar exclusivamente para o sistema de transporte, trabalhava como técnico de Raio-X em um hospital e conciliava como motorista de lotação. É a 1ª vez que faz o personagem Papai Noel e já achava interessante quem fazia o Noel, nunca imaginou fazer o personagem e se surpreendeu porque não achava que seria muito gratificante. O momento mais emocionante foi numa ação social na cidade de Mairiporã, onde foi mágico receber o carinho verdadeiro das crianças. O mais marcante é ver nos idosos reviverem suas crianças internas e verdadeiramente se emocionam ao vê-lo  como Noel, inclusive, pedem para tirar fotos e vários abraços. Isso não tem preço, apenas quem vive para ter noção do sentimento puro da luz do Natal.

Ana Paula da Silva Sabino

natalino sambaiba 2018 08

Trabalha na empresa há 1 ano e 1 mês, sendo que antes de entrar para o sistema de transporte, era vendedora em uma loja de shopping center. É o 2ª ano que faz a personagem Mamãe Noel. Ana Paula achava legal as pessoas que faziam essa personagem, mas não tinha noção do quanto é gratificante fazer parte dessa magia natalina e acrescenta, que o mais emocionante é ver o sorriso natural das crianças e adultos, sendo que o mais marcante  é ver as pessoas entrando no ônibus com um sorriso no rosto, elogiando e dizendo: “- Que bom seria, se todos os dias fossem assim.”

Carlos Eduardo Ferreira

natalino sambaiba 2018 11

Trabalha na empresa há 11 meses, e sempre trabalhou no sistema de transporte, antes era cobrador das antigas lotações. Esse é o 1ª ano que vive o personagem Papai Noel.
Carlos achava legal ver as pessoas que faziam Noel e não tinha noção o quanto esse personagem era querido e tão importante para as pessoas. Alegou que vive diariamente vários momentos especiais, mas o que mais emociona é constatar que um simples abraços, um tchau ou um simples beijo muda completamente a vida de muitas pessoas. Enquanto está trabalhando fantasiado o mais marcante é ver muitas pessoas que ao entrarem no ônibus choram pela emoção de ver o Papai Noel e é recorrente o sentimento de gratidão, onde muitos dizem que ele mudou o dia deles. E ainda pontuou como um dos momentos mais marcantes, quando  um senhor ao embarcar o parabenizou e disse: “que nem todo adulto teve a oportunidade de ser criança”.

Arlete Caetano de Oliveira

natalino sambaiba 2018 09

Trabalha na empresa há 1 ano e 1 mês, sendo que em seu emprego anterior era ajudante geral em uma loja no bairro do Brás. Também é 2ª ano que vive a personagem Mamãe Noel. Para Arlete a parte mais emocionante é quando o ônibus passa e as pessoas nas ruas param o que estão fazendo e olham para o ônibus com um sorriso no rosto e acenam. O momento inesquecível foi quando estava fazendo a linha da Vila Nova Galvão e as crianças fizeram um cordão de isolamento no meio da rua para o ônibus parar e eles poderem ver de pertinho o Papai Noel, tirar fotos e receber doces.

Arnaldo dos Santos Silva Filho

natalino sambaiba 2018 12

Trabalha na empresa há 15 anos, sendo que antes de entrar para o sistema de transporte, trabalhava como vendedor. Esse é o 1ª ano que vive o personagem Papai Noel.
Arnaldo achava lindo ver as pessoas que faziam Noel e ressaltou que, fazer o personagem a bordo de um ônibus é uma oportunidade diferenciada de levar o espírito natalino para aquelas pessoas que não podem ir a um shopping center, por esse motivo se interessou e aceitou o convite da empresa. Relembrou que um dos momentos fortes foi o de uma passageira ao entrar no ônibus elogiou ele e a cobradora dizendo que poderia ter todos os meses essa alegria, sendo que o momento mais marcante foi numa ação social na cidade de Mairiporã onde ele chamou a criança para entregar o presente e doces e no final essa mesma criança lhe disse: “Eu não quero presente, quero apenas uma abraço.”

Caroline Gonzalles

natalino sambaiba 2018 18

Trabalha na empresa há 4 meses, sendo que antes de entrar para o sistema de transporte, trabalhava como vendedora numa loja de shopping center. É a 1ª vez que faz a personagem Mamãe Noel e achava fantástico ver as pessoas que faziam, mas nunca imaginou ser convidada para viver esse papel. Disse que diariamente vive momentos emocionantes, mas o mais marcante foi quando uma senhora abordou o ônibus e pediu para ela subir num quarto hotel para surpreender 04 crianças com Síndrome de Down que estavam participando das Paraolimpíadas. Obviamente foi solicitada autorização para o gerente operacional Henrique, que concedeu autorização para várias personagens. Lembra que ao entrar no quarto, as crianças choravam e pulavam de alegria, abraçando os Noéis.

Michel Marcelino

natalino sambaiba 2018 14

Trabalha na empresa há 01 ano e 04 meses e sempre trabalhou no sistema de transporte coletivo. É o 2ª ano como Papai Noel e lembra que ficava doido quando via as pessoas que fazia o personagem e sonhava em um dia poder fazer também, e nas empresas anteriores onde trabalhou não teve a oportunidade, mas quando a Sambaíba fez o convite, ele ficou completamente emocionado. Afirma que teve diversos momentos emocionantes e os que mais se destacam são as crianças que pedem um simples abraços, ou uma roupa para sua mãe, uma cesta básica para sua casa. Ele acha um gesto lindo porque as crianças nunca pensam nelas primeira, algo que fica de lição para nós adultos.  O momento mais marcante foi na linha 2025 – Vila Nova Galvão onde uma passageira idosa entrou no ônibus e o parabenizou dizendo que o que ele fazia era lindo e que fazia toda a diferença na vida de muitas pessoas.

Mara de Souza Oliveira

natalino sambaiba 2018 13

Trabalha na empresa há 7 meses, sendo que antes de entrar para o sistema de transporte, trabalhava como operadora de máquina numa metalúrgica. É o 1ª ano como Mamãe Noel e afirma que achava muito legal as pessoas que faziam essa personagem e tinha muita vontade em fazer um dia. A parte mais emocionante para ela é constatar a alegria das pessoas, principalmente, das crianças ao pedir um simples beijo e abraço. O mais marcante foi quando um passageiro a reconheceu e a parabeniza por trazer felicidade e o espírito do Natal para as pessoas.

Sidnei Oliveira Valencio

natalino sambaiba 2018 10

Trabalha na empresa há 1 ano e 2 meses e sempre trabalhou no sistema de transporte. Esse é o 1ª ano como Papai Noel na empresa, pois Sidnei já vivia o personagem no bairro onde mora. Entretanto, não tinha noção que a proporção e emoção seria maior no ônibus natalino. Lembra que o momento mais emocionante foi quando um idoso ao embarcar disse que não era o ônibus que estava esperando, mas iria fazer a viagem com ele porque agora ele iria saber o que era ser criança. Já o mais marcante foi na linha 271M – Parque Novo Mundo, quando uma criança se aproximou e ele perguntou seu nome, ela disse que se chamava Melissa (mesmo nome de sua filha) e tinha 6 anos de idade, ela abraçou e ao perguntar qual presente que ela queria ganhar disse que queria um patinete ou uma boneca, porém se o Papai Noel trouxesse os remédios da sua irmã, esse já seria o seu presente. Melissa tem uma irmã de 3 anos de idade que não enxerga, não ouve e não se mexe.  Isso o deixou emocionante e admirado, onde faz todos nós refletir, porque ela teve a oportunidade de pedir qualquer coisa pra ela, mas primeiro pensou na irmã.

Maria Aparecida Ferreira (Cidinha)

natalino sambaiba 2018 07

Trabalha na empresa há 3 meses, sendo que antes de entrar para o sistema de transporte, trabalhava como costureira. É o 1ª ano como Mamãe Noel e afirma que admirava quem fazia a personagem, e mais, aconselha todos um dia a ter tal experiência, porque nunca imaginou que era tão emocionante. Comove-se várias vezes durante esse tempo ao ver a emoção das pessoas, principalmente as crianças que não querem só doces ou presentes, mas sim um abraço e o mesmo acontece com os idosos. O momento mais marcante foi uma passageira ao passar na catraca e disse que nunca tinha visto uma pessoa gentil como ela e que seu sorriso era contagiante e ao final ambas se abraçaram.

Wagner Almeida Passos

natalino sambaiba 2018 05

Trabalha na empresa há 1 ano, sendo que antes de entrar para o sistema de transporte, trabalhava no Aeroporto de Guarulhos. É a 1ª vez que faz o personagem Papai Noel.  Wagner achava muito interessante quem fazia o Noel e sempre teve vontade fazer, mas viver o personagem superou todas suas expectativas e acrescentou que isso é o verdadeiro espírito natalino que não pode morrer nunca. O mais emocionante é o rostinho das crianças por transmitir o mais puro dos sentimentos, onde o faz esquecer de todos os seus problemas pessoais. O momento mais marcante foi na linha 2032 – Jardim Brasil, onde uma idosa de 64 anos, Dona Clara, embarcou no ônibus de uma maneira, com muitos problemas pessoais e ao desembarcar saiu totalmente diferente, elogiou ele e seus companheiros de trabalho dizendo que durante a viagem fizeram a diferença pra ela com a alegria e brincadeira feita dentro do ônibus.